Médico diz a jornal que presidente Bolsonaro está com paralisia no intestino

0

O cirurgião Antônio Macedo, que realizou o procedimento para retirar a bolsa de colostomia do Jair Bolsonaro, confirmou à Folha, que as náuseas e enjoos que o presidente teve, foram provocados por uma paralisação no intestino delgado, que parou de funcionar.

Explicou que a condição clínica se chama “íleo paralítico”. A informação contradiz totalmente o que foi divulgado pelo filho Carlos Bolsonaro e pelo Planalto, de acordo com outros médicos que foram consultados pelo jornal, o presidente teve uma piora no estado clínico e que no quinto dia depois da cirurgia, o paciente deveria estar comendo pela boca e evacuando normalmente. Só que o presidente voltou a se alimentar através de sonda. Isso sim é um atentado contra uma vida, é uma ameaça, porque desde que Bolsonaro sofreu esta facada do marginal, está sofrendo as consequências.

A pressa passa, a consequência fica! Uma campanha Detran e Governo do Estado

___________________________________

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here