Ex-presidente do TJRN diz que deixou R$226 MILHÕES em caixa, enquanto servidores passam fome

0

O ex-presidente do TJRN, o desembargador Expedido Ferreira, falou em seu discurso na noite desta segunda-feira 07, que estava deixando R$226 milhões em caixa, de duodécimos pelo Governo do Estado.

Deste total, R$ 143 milhões são da Fonte 150; R$ 75 milhões referentes à Fonte 190 e R$ 8 milhões provenientes da Fonte 100. 

E diziam que o TJRN, não tinha mais dinheiro, mas olhe só a quantidade de grana que eles ainda tem em caixa, enquanto os coitados dos servidores públicos amargam e choram sem salários há quase três meses. Com tanto dinheiro, não liberaram os royalties do petróleo. O TJRN, disse que não tinha dinheiro, mas o dinheiro apareceu e foi prestado conta logo na frente da governadora que tem sofrido sem um real para colocar em dia as contas dos servidores públicos. Não sabem nem o que as famílias estão passando, sem ter dinheiro para comprar comida, remédios, pagar aluguel, muitos tentando se matar por depressão porque não aguentam mais as cobranças, sem dinheiro para pagar luz, carro e todas as necessidades básicas. E se fizerem greve, a justiça manda parar, se os servidores faltarem porque não tem mais de onde tirar o dinheiro para pagar as passagens tem os pontos cortados. Difícil!! Só a misericórdia do Senhor!!! Sem ofensa ao TJRN e desembargadores, mas é necessário um pouco mais de humanidade e sensibilidade, como se todos não tivessem famílias, já que vocês não querem doar os milhões em caixa, poderiam liberar os royalties para governadora pagar os servidores. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here